Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.15/981
Título: Estudo do feedback pedagógico em instrutores de LocalizadaAnálise dos níveis de experiência profissional e das configurações de comportamento de feedback
Autor: Alves, Maura
Palavras-chave: Feedback Pedagógico
Experiência Profissional
Configurações de Comportamento
Pedagogic Feedback
Professional Experience
Behaviour configurations feedback
Data de Defesa: Dez-2010
Editora: Escola Superior de Desporto de Rio Maior
Resumo: A realização do presente trabalho centrou-se no estudo do feedback pedagógico em instrutores de Localizada. Este estudo teve como objectivos realizar uma análise descritiva do feedback pedagógico dos instrutores nas dimensões Valor e Resposta do Aluno ao FB e comparar por grupo de experiência profissional. Outro objectivo foi realizar uma análise descritiva as configurações de comportamento de feedback e compará-las por grupo de experiência profissional. O último objectivo foi verificar se existia uma associação entre as configurações de comportamento de feedback e Resposta do Aluno ao FB por cada grupo de experiência profissional. A amostra do estudo foi constituída por 62 instrutores de Fitness que leccionavam Localizada, sendo estes, divididos em grupos com diferentes níveis de experiência profissional como instrutor de Fitness com ≤ 3 anos de experiência (grupo A); com + 3 a 5 anos de experiência (grupo B); com> 5 anos de experiência (grupo C), distribuídos por Portugal. No estudo utilizou-se o método da observação, tendo sido utilizado um sistema de observação do feedback pedagógico com as dimensões Momento de Ocorrência, Retrospectiva, Forma, Objectivo, Afectividade, Direcção, Acompanhamento de Prática Consequente ao Feedback, Valor, Resposta do Aluno ao Feedback e respectivas categorias de diferentes autores (Carreiro da Costa, 1988; Piéron, 1999; Sarmento, Veiga, Rosado, Rodrigues, & Ferreira, 1998; Schmidt & Lee, 1999; 2006). O método de registo utilizado foi o registo de ocorrências (Sarmento et. al., 1998) utilizando o software Match Vision Studio Premium. Foram realizadas as seguintes conclusões: Relativamente à análise descritiva das dimensões Valor e Resposta do Aluno ao FB, verificou-se que os instrutores de Fitness emitem mais feedbacks apropriados nas aulas de Localizada do que feedbacks inapropriados, na dimensão Resposta do Aluno ao FB a categoria com mais emissão de feedback é a categoria Modifica o Comportamento de acordo com o Feedback (MFB) para os três grupos de experiência profissional, e a categoria com menos emissão de feedback é a categoria Modifica o Comportamento com Qualquer outra Modificação (MNFB). Quando comparadas as dimensões por grupo de experiência profissional parece que nas aulas de Localizada, tanto os instrutores do grupo A, B ou C quando emitem feedbacks estes são apropriados, e os alunos Modificam o Comportamento mais vezes de acordo com o Feedback e quase nunca Modificam o Comportamento com Qualquer outra Modificação. Assim rejeita-se a hipótese 1, não se verificam diferenças significativas na emissão de feedback entre os instrutores de Localizada com diferentes níveis de experiência profissional na dimensão Valor e na dimensão Resposta do Aluno ao Feedback. Relativamente à análise descritiva das configurações das categorias de comportamento de feedback verifica-se que em todas as configurações o Momento é Concorrente, a Retrospectiva é Separado e a Afectividade é Positiva. Quando comparados por grupos de experiencia profissional verificou-se que em todos os grupos (A, B e C) o feedback varia nas dimensões Acompanhamento da Prática Consequente ao Feedback e Direcção. No grupo B e C o feedback também varia nas dimensões Forma e Objectivo. Assim Rejeita-se a hipótese 2, não se verificam diferenças significativas entre as Configurações de Comportamento de Feedback nos diferentes níveis de experiência profissional nos instrutores de Fitness nas aulas de Localizada. Foi realizada uma associação entre as configurações das categorias de comportamento de feedback e a Resposta do Aluno ao FB por cada grupo de experiência profissional. Assim no grupo A verifica-se que existe afinidade entre a configuração “Conc, Sep, A/V, Pres+, Pos, Ind, CicFb, Apr” e a resposta do aluno Não Modifica o Comportamento é Objectivo Modificar (NMO), e a configuração “Conc, Sep, A/Q, Pres+, Pos, Ind, CicFb, Apr” com a resposta do aluno Modifica o Comportamento de acordo com o Feedback (MFB). Repare-se que em todas elas o feedback ao aluno (individual) é do tipo Concorrente, Separado, Prescritivo Positivo, com Afectividade Positiva Ciclo de Feedback e Apropriado, variando a dimensão Forma. No grupo B não se verificou afinidade entre as configurações de comportamento de feedback e a Resposta do Aluno ao FB, assim não há relação existente entre as variáveis configuração e Resposta do Aluno ao FB. No grupo C também não se verificou afinidade entre as configurações de comportamento de feedback e a Resposta do Aluno ao FB assim não há relação existente entre as variáveis configuração e Resposta do Aluno ao FB. Assim aceita-se parcialmente a hipótese 3, verificou-se existir uma associação entre as configurações de comportamento de feedback e a Resposta do Aluno ao Feedback no grupo A, no entanto, nos grupos B e C, não se verificou existir uma associação entre as configurações de comportamento de feedback e a Resposta do Aluno ao FB. - The purpose of this work was to study the pedagogic feedback from Fitness instructors in resistance training activity. This study aims to perform a descriptive analysis of pedagogic feedback from instructors in dimensions Value and Student Response of FB and comparing the groups of professional experience. Another objective was to conduct a descriptive analysis of the behavior configurations of feedback and compare them by group of professional experience. The last objective was to verify whether there was an association between the behavior configurations of feedback and Student Response of FB for each group of professional experience. The study sample involved 62 resistance training instructors insert in different levels of professional experience as Fitness instructor with ≤ 3 years of experience (group A); with > 3 to 5 years of experience (group B); and with > 5 years of experience, the instructors were from Portugal. In this study it was used the method of observation having been used the pedagogical feedback observation systems with the dimensions Timing, Retrospective, Form, Intent, Affectivity, Direction, Practice Accompaniment After Feedback, Value and Student Response of Feedback of different authors (Carreiro da Costa, 1988; Piéron, 1999; Sarmento, Veiga, Rosado, Rodrigues, & Ferreira, 1998; Schmidt & Lee, 1999; 2006). The recording tactic used was event recording (Sarmento et. al., 1998) using the software Match Vision Studio Premium. Were made the following conclusions: It was analyzed the feedback’s emission in dimension Value and Student Response of Feedback and it appears that Fitness instructors emit more appropriate feedback in class than inappropriate, in dimension Student Response of Feedback the category with more feedback’s emission is the category Modifies Behavior according to the feedback for the tree groups of professional experience and the category with less feedback’s emission is the category Modifies Behaviour any other change. When compare the two dimensions by group of professional experience it appears that in class the instructors of group A, B or C when they emit feedback’s these are appropriate and the students change the behaviour more often according to the feedback and almost never modifies behaviour with any other change. Rejects the hypothesis 1, there were no significant differences in the feedback’s emission from resistance training instructors with different levels of professional experience in the dimension value and size response to student feedback. In the descriptive analysis of behaviour configuration’s feedback there is in all of configurations the Moment is Competitor, the Retrospective is Separate and is Positive affectivity.When compared by groups of professional experience showed that in all groups (A, B and C) the feedback varies in dimensions Practice Accompaniment after Feedback and Direction. In group B and C feedback also varies in dimension Form and dimension Objective. Rejects the hypothesis 2, there were no significant differences between behaviour configurations feedback at different levels of professional experience from fitness instructors. We performed an association between the behaviour configurations of feedback and Student Response of FB for each group of professional experience. In group A it appears that there is affinity between the configuration “Conc, Sep, A/V, Pres+, Pos, Ind, CicFb, Apr” and the Student Response of FB Don’t Modifies Behavior is Objective, and between the configuration “Conc, Sep, A/Q, Pres+, Pos, Ind, CicFb, Apr” and Student Response of FB Modifies Behavior according to the feedback. Notice that all of them the feedback to student (individual) is of type competitor, Separated, Positive Prescriptive, Positive affectivity, Feedback cycle and Appropriate and varies on dimension Form. In group B there was no affinity between the behavior configurations of feedback and the Student Response of FB, so there is no relationship between the configuration variables and Student Response of FB. In group C there wasn't also an affinity between the behavior configurations of feedback and the Student Response of FB, so there is no relationship between the configuration variables and Student Response of FB. It is accepted in part the hypothesis 3, there was an association between the behavior configurations of feedback and Student Response of FB in group A, however, in groups B and C, there wasn’t an association between the behavior configurations of feedback and Student Response of FB.
Descrição: Dissertação para obtenção do grau de Mestre em Desporto – Especialização em Condição Física.Orientadora: Professora Doutora Susana Franco
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.15/981
Aparece nas colecções:Mestrado em Desporto - Treino Desportivo

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Tese Mestrado - Maura Alves.pdf781,12 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.