Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.15/892
Título: Análise taxonómica em desporto de natureza. Estudo preliminar
Autor: Carvalhinho, Luís
Rodrigues, José
Palavras-chave: Atividades de desporto de natureza
modelo de análise
classificação taxonómica
Outdoor activities
analysis model
taxonomic classification
Data: Mai-2013
Editora: Unidade de Investigação do Instituto Politécnico de Santarém (UIPS)
Citação: Carvalhinho,L. & Rodrigues,J. (2013). Análise taxonómica em desporto de natureza. Estudo preliminar. Revista da Unidade de Investigação do Instituto Politécnico de Santarém, 1(1),122-135
Resumo: A criação e o desenvolvimento de modelos taxonómicos, que classificam as atividades, permitem também desenvolver uma nomenclatura específica que tenha por objetivo denominar, analisar e interpretar as terminologias utilizadas de uma forma coerente e eficaz. Assim, pretendeu-se classificar as atividades físicas e desportivas de desporto de natureza, recorrendo à avaliação taxonómica por parte de um conjunto técnicos desportivos. Para obter os dados, construiu-se um instrumento (ficha de classificação taxonómica) que derivou do modelo de análise taxonómica apresentado, utilizando diversos procedimentos de validação e objetividade. A amostra foi constituída numa primeira fase por 25 atividades, sendo selecionadas apenas 7 atividades para uma segunda fase de análise mais detalhada. Os principais resultados deste estudo preliminar estão associados à construção do modelo de análise, onde podemos destacar os seguintes indicadores: i) contextos - físico, pessoal, social e ético- ambiental; ii) variáveis – meio, trajetória, plano, estabilidade, contacto, sensação, recursos biotecnológicos, implicação motora e impacte ecológico. Neste estudo tentámos demonstrar a necessidade de construir uma ficha de classificação taxonómica, ajustada aos contextos específicos das atividades de desporto de natureza implementadas em Portugal.- The creation and development of taxonomic models for classifying activities also permits the development of a specific nomenclature which aims to coherently and effectively indicate, analyse and interpret the terminology used. The intention is to classify outdoor activities, using taxonomic evaluation by a set of sports specialists. A tool (taxonomy classification card) derived from the referred to taxonomic analysis model was constructed to obtain the data, using various validation procedures and impartiality. The sample was initially composed of 25 activities, and then selected 7 activities so as to allow development in greater detail. The main results are associated to the construction of the analysis model, wherein the following indicators can be highlighted: i) contexts - physical, personal, social and ethical/environmental; ii) variables – environment, trajectory, plane, stability, contact, sensation, biotechnological resources, motor implications and ecological impact. This study demonstrated the need to build a taxonomic classification that is adjusted to the specific contexts of outdoor activities practised in Portugal.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.15/892
ISSN: 2182-9608
Versão do Editor: http://www.ipsantarem.pt/arquivo/5004
Aparece nas colecções:Artigos em revistas nacionais - ESDRM

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Revista da UIIPS_N1_Vol1_2013_artigo8.pdf131,89 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.