Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.15/873
Título: Estudo morfométrico de ovos de paranfistomatídeos da Guiné-Bissau
Autor: Crespo, Maria Virgínia
Rosa, Fernanda
Nunes, C.
Ribeiro, A. P.
Palavras-chave: Paramphistomatidae
Ovo
Medição
Bovinae
Guiné-Bissau
Amphistoma
egg
Measurement
cattle
Guinea Bissau
Data: 2011
Editora: Sociedade Portuguesa de Parasitologia
Citação: Crespo, M. V.; Rosa, F.; Nunes, C. & Ribeiro, A. P., 2011. Estudo morfométrico de ovos de paranfistomatídeos da Guiné-Bissau. Acta Parasitológica Portuguesa, 18 (1/2): 49-52
Resumo: A infecção por paranfistomatídeos é uma das parasitoses mais frequentes nos bovinos da República da Guiné-Bissau. Embora Tendeiro (1948) tenha referido a existência de Paramphystomum explanatum e de Colytophoron cotylophorum com base na morfologia externa dos exemplares colhidos, as grandes semelhanças interespecíficas e a variabilidade intraespecífica existentes neste grupo de parasitas, indicam a possível ocorrência de mais espécies. O presente trabalho tem como objectivo uma análise preliminar dos ovos de paranfistomatídeos de modo a contribuir para o esclarecimento das espécies existentes. Assim, realizou-se o estudo morfométrico (comprimento – C, largura -L e índice C/L) de 187 ovos de paranfistomatídeos presentes em 50% das amostras de fezes de bovinos da Guiné-Bissau, recolhidos em Abril 2009, utilizando-se a análise grupal com recurso à classificação ascendente hierárquica (CAH), aplicada à matriz de dados. De um modo geral, os ovos apresentaram uma forma e dimensões muito variáveis que pela interpretação do dendograma e análise dos parâmetros estatísticos foi possível identificar 3 grupos bem definidos, os quais poderão corresponder às espécies Carmyerius sp., Calicophoron (=Paramphistomum) microbothrium e Colytophoron cotylophorum, de acordo com os intervalos das dimensões dos ovos descritos por Soulsby (1986). ---- Amphistoma infections are one of the most common parasitic diseases in cattle from Guinea Bissau. Although Tendeiro (1984) has pointed out the existence of Paramphystomum explanatum and Cotylophoron cotylophorum based on external morphology of the specimens collected, the large interspecific similarities and the great interspecific similarities and the great intraspecific variability in this group of parasites, suggest for the possible occurrence of more species. The present work aims to perform a preliminary analysis of the amphistoma eggs shed with faeces, as a contribution to the clarification of the species involved. Thus, a morphometric study (length – L, width – W and ratio L/W) was carried on 187 amphistoma eggs present in 50% of faeces samples from cattle at Guinea Bissau in April 2009, using group analysis applied to the data matrix by hierarchical ascending classification (CAH). In a general way, egg shape and dimensions varied considerably and based on the analysis of statistical parameters and by interpreting the dendogram obtained, three well defined groups were noticed, which may correspond to Carmyerius sp., Calicophoron (= Paramphistomum) microbothrium and Cotylophoron cotylophorum, according the egg dimension ranges described by Soulsby (1986).
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.15/873
ISSN: 0872-5292
Aparece nas colecções:Artigos em revistas nacionais_ESAS

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
CRESPOMV_ovosparanfistom_APP18_2011.pdf184,18 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.