Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.15/527
Título: Ainda sobre a formação do professor de língua portuguesa no Brasil
Autor: Petroni, Maria
Justino, Agameton
Melo, Edsônia
Palavras-chave: Formação docente
Leitura e escrita
Língua(gem)
Gêneros do discurso
Texto
Data: 2011
Editora: Instituto Politécnico de Santarém. Escola Superior de Educação
Citação: Petroni, M., Justino, A. & Melo, E. (2011). Ainda sobre a formação do professor de língua portuguesa no Brasil. Revista Interacções,19(7),28-375
Resumo: As exigências da atual sociedade, cada vez mais tecnológica, impõem a necessidade da formação docente em novas bases, para atender às demandas sociais. De acordo com os documentos oficiais brasileiros, publicados a partir de 1998, o ensino da leitura e da escrita deve ser regido por conceitos como interação, discurso, texto, gêneros discursivos. Em razão disso, a formação docente deve oferecer ao professor conhecimentos outros que não apenas o gramatical. Neste artigo, argumentamos em favor de uma formação docente que privilegie a teoria enunciativo-discursiva, estabelecida sobre a base dialógica, que institui professor e aluno como interlocutores. Para tanto, utilizamos os pressupostos teóricos de Geraldi (1984, 2010), Ilari (1992), Soares (2001), Neves (2002), Nóvoa (2009), Rojo (2000, 2009), dentre outros. - The demands of the present society, increasingly technological, entail the necessity of teacher formation under new foundations in order to meet the social needs. In line with official Brazilian documents published from 1998 to present the teaching of reading and writing should be ruled by concepts such as interaction, discourse, text, and genres of discourse. For this reason, teacher formation should offer the teacher other kinds of knowledge and not only grammatical one. In this article, we argue in favor of a teacher formation that embraces the enunciative discourse theory established on a dialogic basis that institutes teacher and student as interlocutors. To do so, we used the theoretical assumptions proposed by! Geraldi (1984, 2010), Ilari (1992), Soares (2001), Neves (2002), Nóvoa (2009), Rojo (2000, 2009), among others.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.15/527
ISSN: 1646-2335
Versão do Editor: http://nonio.eses.pt/interaccoes/artigos/S2%20-%20Petroni%2C%20Justino%20&%20Melo.pdf
Aparece nas colecções:Volume 7 - 2011 - nº19

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
S2 - Petroni, Justino & Melo.pdf190,01 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.