Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.15/508
Título: Novas linguagens e sociabilidades: como uma juventude vê novas tecnologias
Autor: Sousa, Carlos
Palavras-chave: Juventude
Tecnologia
Sociabilidade
Educação
Data: 2011
Editora: Instituto Politécnico de Santarém. Escola Superior de Educação
Citação: Sousa,C. (2011). Novas linguagens e sociabilidades: como uma juventude vê novas tecnologias. Revista Interacções,17(7),170-188.
Resumo: O trabalho apresenta as visões de jovens universitários sobre as novas tecnologias, especialmente a Internet, e sua relação com o desenvolvimento de uma sociedade democrática. Os dados da pesquisa foram coletados a partir de postagens em um fórum virtual, com a participação de 38 jovens do curso de Ciência da Informação, na modalidade de ensino presencial, de uma instituição de educação superior privada do Distrito Federal do Brasil, no ano de 2008. A leitura das postagens nos permitiu constatar que para esses jovens as novas tecnologias, especialmente a Internet, são uma realidade irreversível na vida contemporânea, não obstante apresentarem aspectos contraditórios para a construção de relações sociais justas e igualitárias em vista da democracia. Os dados mostram um posicionamento que vê na sociabilidade virtual e suas linguagens formas de interações passageiras, frágeis e descartáveis e novas formas de exclusão e preconceitos, em suma, geralmente negativas; por outro lado, os dados patenteiam uma visão otimista, de possibilidade de personalização, ampliação dos contatos com o Outro, e o destaque à sua dimensão utilitária, prática, ágil e de acesso direto. Tais visões têm notórias implicações na vida social juvenil contemporânea, com a criação de novas linguagens, sociabilidades e interesses, explicitando o fato de que, historicamente, o conhecimento e a tecnologia têm sido um trampolim para o acesso ao poder e ao seu exercício, democrático ou não.- New languages and sociabilities: how youth perceive new technologies. This paper aims to analyze perspectives on new technologies and its relationship with the development of a democratic society posted in a virtual forum. The population was composed by 38 undergraduate students in Computer Sciences, enrolled in a private higher education institution, located in Brazil’s capital city. The results of messages’ analysis show that these technologies are regarded as an irreversible part of reality, in particular the Web. They recognized their contradictory contributions to the construction of equalitarian and fair social relations, aiming democracy. The data reveal both positive and negative perceptions of the new technologies’ roles. On the one hand, virtual sociability and their inherent languages multiply fragile and temporary social interactions. Furthermore, they are vehicles for new prejudices and additional forms of social exclusion. On the other hand, the results show the perceptions of new alternatives for becoming a person, in social networks, as well as the importance of easy and direct access to persons and groups. The points of view expressed by students have significant implications for juvenile social life and political participation. As it is well recognized, knowledge and technologies have been valuable means for accessing and exercising political power, either democratic or authoritarian.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.15/508
ISSN: 1646-2335
Aparece nas colecções:Volume 7 - 2011 - nº17

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Q10_Sousa.pdf268,93 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.