Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.15/336
Título: A educação ambiental e a construção de mapas-falantes em processo de pesquisa-ação em comunidade índigena na amazônia
Autor: Toledo, Renata
Pelicioni, Maria
Palavras-chave: pesquisa-ação
mapa-falante
população indígena
educação ambiental
participação comunitária
Data: 2009
Editora: Instituto Politécnico de Santarém, Escola Superior de Educação
Citação: TOLEDO, Renata Ferraz de; PELICIONI, Maria Cecília Focesi - A educação ambiental e a construção de mapas-falantes em processo de pesquisa-ação em comunidade índigena na amazônia. Revista Interacções. Nº11 (2009), p.193-213
Resumo: O aumento da concentração populacional e as alterações do modo de vida tradicional da comunidade indígena do Distrito de Iauaretê, Município de São Gabriel da Cachoeira/AM, Terra Indígena do Alto Rio Negro, têm resultado em agravos à saúde da população, principalmente devido à ausência de saneamento básico. O objetivo deste estudo foi descrever o processo de educação ambiental desenvolvido em uma comunidade indígena, com vistas à identificação de representações sobre o processo saúde-doença e à melhoria das condições de vida da população. O método utilizado foi a pesquisa-ação em processo de educação ambiental, por meio de instrumentos aplicados em reuniões comunitárias, como mapas-falantes e painéis de fotos. Identificou-se que os indígenas, mesmo reconhecendo a atual situação de degradação socioambiental local e os agravos à saúde a que estavam expostos, ainda não haviam incorporado esse conhecimento na vida cotidiana. Os moradores que interagiram na pesquisa demonstraram o desejo por melhorias sanitárias. Contudo, ficou claro que, a oferta de infra-estrutura não será suficiente para garantir a saúde e romper ciclos de transmissão de doenças, fazendo-se necessário o desenvolvimento de um processo educativo em saúde e meio ambiente voltado para uma reflexão crítica da realidade e a sua transformação, reforçando práticas saudáveis que possam contribuir para a melhoria da qualidade de vida. O método da pesquisa-ação mostrou-se extremamente adequado em um processo de educação ambiental que objetiva a busca de soluções para determinada problemática de forma participativa e dialógica e a melhoria das condições de vida da população. - The increase in population concentration and the changes in the traditional way of life of the indigenous community of the District of Iauaretê, City of São Gabriel da Cachoeira/AM, Alto Rio Negro Indigenous Land, have been producing negative consequences for the general health of the population. This is mainly due to the lack of basic sanitation. The objective of the study was to describe the environmental education process developed on a indigenous community intending to identify the representations of heatlh-disease and to improve life conditions of people. The research methodology used is known as action-research in environmental education process, by means of techniques used during the community meetings, such as, talking-maps and photography panels. Despite the indigenous population's awareness of actual situation of socio-environmental degradation and the situations which were potentially hazardous to their health, they were as yet unable to incorporate that knowledge to their daily life. The inhabitants who interacted with the research were keen to improve sanitation. However, it was clear that infra-structural improvements will not be enough to guarantee their health, nor break the cycle of disease transmission. It is also necessary to develop environmental and heath education processes which bring about a critical understanding of reality and its transformations, thus reinforcing healthy habits which might contribute to an improvement in quality of life. Action-research proved itself as an extremely adequate methodology for environmental education processes which aims at finding solutions to a given problem through participation and dialogue, as well as improving the general standard of living.
URI: http://hdl.handle.net/10400.15/336
ISSN: 1646-2335
Versão do Editor: http://nonio.eses.pt/interaccoes/artigos/K10.pdf
Aparece nas colecções:Volume 5 - 2009 - nº11

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
K10.pdf193,08 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.