Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.15/334
Título: Efeitos da lavoura profunda e da gradagem nas características do solo e na produtividade de plantações de Eucalyptus globulus
Outros títulos: Influence of deep ploughing and disc harrowing on soil characteristics and productivity of Eucaliptus globulus plantations
Autor: Madeira, M.
Azevedo, António
Soares, P.
Tomé, M.
Araújo, M. C.
Palavras-chave: Eucalyptus globulus
Mobilização do solo
Gradagem
Propriedade físico-química do solo
Data: 2002
Editora: Sociedade de Ciências Agrárias de Portugal
Citação: MADEIRA, M.; AZEVEDO, A. SOARES, P. TOMÉ, ARAÚJO, M. C. (2002) - Efeitos da lavoura profunda e da gradagem nas características do solo e na produtividade de plantações de Eucalyptus globulus. Revista de Ciências Agrárias, 25, 1/2: 158-169
Resumo: Instalou-se um sistema experimental, na região centro de Portugal (Rio Maior), para comparar o efeito de mobilização superficial (gradagem) e da mobilização profunda e contínua (lavoura) do solo no crescimento de Eucalyptus globulus e em características físico-químicas do solo, durante um período de onze anos, o qual é usual para a primeira rotação das plantações daquela espécie. A gradagem originou um decréscimo significativo da massa volúmica do solo até 40 cm de profundidade; este decréscimo foi, todavia, mais marcado até à profundidade de 20 cm, o limite médio atingido pela gradagem. A lavoura profunda originou igualmente o decréscimo da massa volúmica, mas só a partir da profundidade de 10 cm, o qual foi mais marcado do que no caso da gradagem a partir da profundidade de 20 cm. Em qualquer dos tratamentos ocorreu um decréscimo de teor de carbono, pH e fósforo extraível sobretudo na profundidade de 0-10 cm. Este decréscimo, que ocorreu sobretudo na fase inicial do estudo, foi mais acentuado no caso da mobilização profunda do que no da mobilização superficial. As diferenças entre tratamentos verificadas na fase inicial do estudo mantiveram-se durante todo o período experimental. O crescimento das árvores não foi significativamente afectado pelos tratamentos ao longo de todo o período experimental. Os resultados são discutidos tendo em consideração técnicas de silvicultura correntes aplicadas em Portugal para a instalação de plantações de E. globulus.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.15/334
ISSN: 0871-018X
Aparece nas colecções:Artigos em revistas nacionais_ESAS

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
AZEVEDOA_lavoura2002.pdf689,02 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.