Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.15/275
Título: Modelo de tutoria: construção dialógica de sentido(s)
Autor: Azevedo, Nair
Nascimento, Ana
Palavras-chave: Cultura organizacional
Construção dialógica do conhecimento
Modelo tutorial
Data: 2007
Editora: Instituto Politécnico de Santarém, Escola Superior de Educação
Citação: AZEVEDO, Nair Rios; NASCIMENTO, Ana Teresa Brito - Modelo de tutoria: construção dialógica de sentido(s). Revista Interacções. Nº7 (2007), p.97-115
Resumo: O nosso objectivo é evidenciar o percurso conceptual e metodológico de concepção e desenvolvimento de um modelo de funcionamento, formação e investigação centrado na figura de tutor, no âmbito da Fundação LIGA. Esta organização dirige-se a uma população alargada, em múltiplas e diferenciadas situações de carência social, muitas portadoras de deficiência, mas todas consideradas pessoas (corpo e singularidade individual e coexistência social), conceito forte e fundador da actividade da instituição. Se o critério conceptual e funcional da LIGA é a centralidade da pessoa, isso significa que toda a acção se deve nortear pela partilha do projecto pessoal de sentido de todos com quem trabalha. Justifica-se a adopção de um modelo de tutoria na medida em que se acredita que este é capaz de potenciar as capacidades, escolhas e decisões que vão concretizando o projecto de vida de cada um. Questionamos, então, as fronteiras conceptuais do conceito de “tutor”. O tutor, como figura modelar – reflexo do modelo da instituição – deverá ser descrito e entendido através da análise de um conjunto de competências relacionais e técnicas que ecoam na organização, sistematizando-as e dando-lhes forma, de modo a potenciar a sua realização em todos os programas e por todos os seus membros. A questão que se impõe é saber quais são essas competências, evidenciá-las, procurando que sejam consciencializadas e assumidas por todos. Descrevemos neste artigo o processo utilizado na organização, para a concepção e implementação de uma prática centrada na figura do tutor. É da procura de novos caminhos, novas estratégias que se trata, e, fundamentalmente de construção de conhecimento. - The purpose of this article is to point out the conceptual and methodological process used to develop a kind of practice, training and research based on the tutor role, within LIGA Foundation. This organization works with a large population, that has multiple and diverse social needs, many of them with disabilities, but all of them looked as single individuals (body and self-uniqueness and social coexistence), hard and founding concept of the institution. If the self-uniqueness is the conceptual and functional criteria of LIGA Foundation, than all its practice should be guided by sharing each individual’s personal meaning project. This tutorial model has its own justification because one assumes that in this way it is possible to potencialise the capacities, choices and decisions that give meaning to the self-life project. The question is about the conceptual boundaries of the tutor concept. As a model figure – that reflects the institutional model – the definition should be described and understood through the analyses of technical and relational competencies that flow within the organization. These competencies should be worked upon and shaped in such a way that it empowers their use by every one at all departments. We need to know what those competencies are, to show them up, looking forward that they become mindful and held by everyone. On this paper we describe the process used at the organization to conceptualise and implement a practice centred upon the tutor’s role. Since our work relies on a dialogical knowledge construction process we look to find new ways and new strategies to promote the development of a tutorial model.
URI: http://hdl.handle.net/10400.15/275
ISSN: 1646-2335
Versão do Editor: http://nonio.eses.pt/interaccoes/artigos/G5.pdf
Aparece nas colecções:Volume 3 - 2007 - nº07

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
G5.pdf90,25 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.