Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.15/2212
Registo completo
Campo DCValorIdioma
dc.contributor.advisorLeal, Susana-
dc.contributor.authorLopes, Ana Cristina de Almeida-
dc.date.accessioned2018-05-16T13:13:47Z-
dc.date.available2018-05-16T13:13:47Z-
dc.date.issued2018-05-15-
dc.identifier.citationLopes, A. (2018). A cultura organizacional como antecedente das práticas de responsabilidade social:um estudo empírico aplicado a organizações de Economia Social (Mestrado). Escola Superior de Gestão e Tecnologia, Santarém. Disponível na WWW em: <http://hdl.handle.net/10400.15/2212>pt_PT
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10400.15/2212-
dc.descriptionDissertação, Mestrado, Gestão de Organizações de Economia Social, Instituto Politécnico de Santarém, Escola Superior de Gestão e Tecnologia, 2018pt_PT
dc.description.abstractNos últimos tempos no campo dos estudos organizacionais, os temas da Cultura Organizacional e da Responsabilidade Social têm evoluído bastante enquanto fator relevante no desempenho do indivíduo no contexto organizacional. Contudo, a investigação destas temáticas está pouco desenvolvida nas organizações de economia social. O presente trabalho de investigação pretende descrever as principais características da cultura organizacional das organizações de economia social, nomeadamente nas Instituições Particulares de Solidariedade Social (IPSS), e perceber se o tipo de cultura existente nestas organizações exerce alguma influência nas perceções dos colaboradores quanto às práticas de responsabilidade social . Através de uma amostra de 117 de colaboradores (97% género feminino, 39% com menos de 40 anos, 27% com licenciatura ou superior), provenientes de 6 IPSS do concelho de Palmela, obteve-se os seguintes resultados: (a) os tipos de cultura predominantes nas IPSS são a de clã e a burocrática; (b) os perfis de cultura variam entre IPSS; (c) as dimensões de responsabilidade social mais desenvolvidas nas IPSS são as relativas à comunidade e aos colaboradores; (d) a cultura da organização influencia as perceções de responsabilidade social, nomeadamente quando essa cultura apresenta características adocráticas.pt_PT
dc.language.isoporpt_PT
dc.rightsopenAccesspt_PT
dc.subjectOrganizações de Economia Socialpt_PT
dc.subjectIPSSpt_PT
dc.subjectCultura Organizacionalpt_PT
dc.subjectResponsabilidade Social nas organizaçõespt_PT
dc.titleA cultura organizacional como antecedente das práticas de responsabilidade social:um estudo empírico aplicado a organizações de Economia Socialpt_PT
dc.typemasterThesispt_PT
dc.description.versionN/Apt_PT
dc.peerreviewedyespt_PT
dc.identifier.tid201917823-
Aparece nas colecções:Dissertações de Mestrado_ESGTS
Mestrado em Gestão de Organizações de Economia Social

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
AnaCristinaAlmeidaLopes_Mestrado_GOES_2018.pdf3,74 MBAdobe PDFVer/Abrir
AnaCristinaAlmeidaLopes.pdf56,19 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.