Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.15/1899
Título: Inteligência emocional e otimismo em sujeitos adultos
Autor: Gonzaga, Luís
Sarmento, Ana
Caldeira, Cláudia
Palavras-chave: psicologia positiva
inteligência emocional
otimismo
idade adulta
positive psychology
emotional intelligence
optimism
adulthood
Data: 2016
Editora: Unidade de Investigação do Instituto Politécnico de Santarém (UIIPS)
Citação: Gonzaga, L., Sarmento, A. & Caldeira, C.(2016). Inteligência emocional e otimismo em sujeitos adultos.Revista da UIIPS.4(2),313-328. Retrieved from http://ojs.ipsantarem.pt/index.php/REVUIIPS/issue/view/9
Resumo: Atualmente, com o surgimento da psicologia positiva, temas como a Inteligência Emocional e o Otimismo aparecem como fatores que permitem o sucesso e otimização do funcionamento do indivíduo e da comunidade e a sua respetiva qualidade de vida e bem-estar. Quer para o desenvolvimento como para o pensamento positivo do ser humano, é relevante salientar a Inteligência Emocional e o Otimismo como potenciadores e promotores das suas aptidões. O objetivo do presente estudo é avaliar as relações entre Inteligência Emocional e Otimismo tendo em conta as variáveis sociodemográficas recolhidas. A amostra é constituída por 175 sujeitos com idades compreendidas entre os 18 e os 87 anos (33,53 ± 16,768). Os constructos Inteligência Emocional e o Otimismo foram avaliados recorrendo à Escala de Inteligência Emocional (Rego & Fernandes, 2005) e Escala sobre o Otimismo (Oliveira, 1998), respetivamente. Os resultados obtidos são analisados e discutidos em função das variáveis sociodemográficas consideradas.
Today, with the emergence of positive psychology, topics such as emotional intelligence and optimism appear as factors that enable success and optimize the functioning of the individual and the community, and their respective quality of life and well-being. Whether for development as for positive thinking of the human being, it is important to point out emotional intelligence and optimism as enhancers and promoters of their skills. The aim of this study is to evaluate the relationship between emotional intelligence and optimism in view of the collected sociodemographic variables. The sample consists of 175 subjects aged 18 to 87 years (33.53 ± 16.768). Emotional Intelligence and Optimism were evaluated using the Emotional Intelligence Scale (Rego and Fernandes, 2005) and the Scale on Optimism (Oliveira, 1998), respectively. The results are analyzed and discussed in terms of the sociodemographic variables considered.
Descrição: Trabalho apresentado em CONGRESSO “INVESTIGAÇÃO EM QUALIDADE DE VIDA, INOVAÇÃO E TECNOLOGIA”, Rio Maior, 2016.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.15/1899
ISSN: 2182-9608
Versão do Editor: http://ojs.ipsantarem.pt/index.php/REVUIIPS/issue/view/9
Aparece nas colecções:Artigos em revistas nacionais - ESDRM

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
187-475-1-SM.pdf463,97 kBAdobe PDFVer/Abrir
IE_OTIM.pdf3,51 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.