Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.15/163
Título: Resultados preliminares sobre o estudo da fase de enraizamento, em nogueira (Juglans nigra L.) propagada in vitro
Autor: Jacob, Ana Paula
Peixe, A.
Grego, José
Bohm, E. J.
Palavras-chave: Juglans nigra
Micropropagação
Enraizamento
Cultura in vitro
Data: 2001
Editora: Estação Nacional de Melhoramento de Plantas
Citação: JACOB, A.P.; PEIXE, A.; GREGO, J.; BOHM, J. - Resultados preliminares sobre o estudo da fase de enraizamento, em nogueira (Juglans nigra L.) propagada in vitro. In Melhoramento, 37(2001): 117-123
Resumo: Foram efectuados ensaios para o estudo da indução da formação de raízes adventícias em estacas de nogueira (Juglans nigra L.) micropropagada. Foi utilizado o protocolo de enraizamento proposto por Ripetti et al. (1994) tendo sido estudada a duração do período de indução da rizogénese (entre três a sete dias) para concentração de 3 mg l-1 de IBA, o efeito de várias concentrações de fluoroglucinol (PG) (0,5; 1,5 e 2 mg l-1) como co-factor da acção do IBA e ainda o efeito da administração líquida (contacto por imersão com a base da estaca) de diferentes concentrações de IBA (de 8 a 140 mg l-1). Os resultados obtidos mostram que a adição de 3 mg l-1 de IBA ao meio de cultura, conduziu à obtenção de taxas de enraizamento na ordem dos 40% para 3 e 4 dias de indução; a administração líquida de IBA não induziu rizogénese para qualquer das concentrações utilizadas. Obtiveram-se taxas de enraizamento de 100% para cinco dias de indução, na presença de 3 mg l-1 de IBA e 2 mg l-1 de PG incorporados no meio de indução.
URI: http://hdl.handle.net/10400.15/163
ISSN: 0368-9433
Aparece nas colecções:Comunicações em conferências e congressos_ESAS

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
JACOBP_Juglans2001.pdf363,88 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.