Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.15/1091
Título: Própolis: avaliação quantitativa da produção de própolis
Autor: Pardal, Paulo
Casalta, F.
Godinho, Joana
Palavras-chave: Propolis
Apis mellifera iberica
Produto do favo de mel
Método de colheita
Hive products
Harvesting methods
Data: Nov-2014
Editora: Unidade de Investigação do Instituto Politécnico de Santarém (UIIPS)
Citação: Pardal, P.; Casalta, F. & Godinho, J. (2014).Própolis: avaliação quantitativa da produção de própolis. Revista da Unidade de Investigação do Instituto Politécnico de Santarém, 4 (2) 182-191
Resumo: O estudo foi realizado no posto apícola do INIAV, Tapada da Ajuda, Instituto Superior de Agronomia, tendo como objetivo a avaliação da produção de própolis, durante um período de 60 dias, em plena época de floração. Foram selecionadas e padronizadas vinte colónias de abelhas Apis melifera iberiensis instaladas em colmeias modelo “Lusitana”. Realizaram-se análises do ciclo biológico e classificaram-se as colónias, estimando-se, por observação direta, o número de abelhas da colónia e a percentagem de mel, pólen e criação presentes. Globalmente, nas avaliações efetuadas, as colónias encontravamse vigorosas e saudáveis. A própolis, recolhida com recurso a rede tipo mosquiteira, foi avaliada de duas em duas semanas. No final do ensaio, procedeu-se à limpeza da própolis, congelaram-se as redes, durante um período de 48 horas, e quantificou-se a própolis obtida. A produção total de própolis foi bastante díspar, entre colmeias, em média de 65,4±19,4 g, valor que se encontra de acordo com a bibliografia. Globalmente, obtiveram-se valores médios de produção superiores nas colónias com maior força, embora a genética de cada colónia tenha sido um aspeto relevante na produção de própolis. A rede tipo mosquiteira utilizada revelou ser pouco eficiente, quando da remoção da própolis, tendo-se conseguido obter apenas 23,8% da própolis produzida.
The study was conducted in the apiculture post of INIAV, Hunting Reserve Aid, Superior Institute of Agronomy, having as objective the evaluation of propolis, over a period of 60 days, in full flowering season. Were selected and standardized twenty colonies of Apis bees in hives installed melifera iberiensis model "Lusitanian". Analyses were performed from biological cycle and the colonies were classified, by estimated, by direct observation, the number of bees from the colony, and the percentage of honey and pollen create present. Overall, the assessments made, the colonies found themselves strong and healthy. Propolis was collected using mosquito net type and evaluated every two weeks. At the end of the test proceeded to cleaning the propolis, the networks were frozen during a 48 hours period and quantitated propolis obtained. The total production of propolis were quite disparate, among hives on average 65.4 ± 19.4 g, a value which is in line with the literature. Overall, mean values were obtained at higher production colonies with greater strength, although the genetics of each colony was an important aspect in the production of propolis. The mosquito type network used proved to be inefficient in the removal of propolis, having managed to get only 23.8% of propolis produced.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.15/1091
ISSN: 2182-9608
Versão do Editor: http://www.ipsantarem.pt/wp-content/uploads/2014/04/revista-UIIPS_N2_V2_-2014_Vf-2.pdf
Aparece nas colecções:Artigos em revistas nacionais_ESAS

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
REVUIIPS_2014_9c_PARDALGOD_propolis.pdf702,92 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.